Atendimento telefônico: (81) 3366.2418/ (81) 3366.2434 (de segunda a sexta, das 8h às 16h).
Atendimento pelo whatsapp: (81) 33662414 (de segunda a sexta, das 8h às 16h).
Correio eletrônico: centralderelacionamento@compesaprev.com.br.

Atendimento Posto Compesa Cruz Cabugá: (81) 3412-9035.
Horário de atendimento: segunda a sexta das 08h às 13h e das 14h às 16h.

Indicação de Urgência / Emergência Rede Credenciada:(81) 9.9293.0686 / (81) 9.9725.0600 (Números disponíveis de segunda à sexta, fora do horário de atendimento. Nos sábados, domingos e feriados 24 horas.).

Atendimento telefônico: (81) 3366.2418/ (81) 3366.2434 (de segunda a sexta, das 8h às 16h).
Atendimento pelo whatsapp: (81) 33662414 (de segunda a sexta, das 8h às 16h).
Correio eletrônico: centralderelacionamento@compesaprev.com.br.

Atendimento Posto Compesa Cruz Cabugá: (81) 3412-9035.
Horário de atendimento: segunda a sexta das 08h às 13h e das 14h às 16h.

Indicação de Urgência / Emergência Rede Credenciada:(81) 9.9293.0686 / (81) 9.9725.0600 (Números disponíveis de segunda à sexta, fora do horário de atendimento. Nos sábados, domingos e feriados 24 horas.).

Ex-desembargador defende idade máxima de 70 anos para aposentadoria no STF: ‘Contribuição mais efetiva’

Em entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan News, Jackson Di Domenico também analisou o que chama de ‘protagonismo’ do Judiciário no Brasil e no mundo e fez um apelo por segurança jurídica na Corte.

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), vai se aposentar na semana que vem, no dia 11 de abril. O magistrado faz 75 anos em 11 de maio, idade limite para permanência na Corte. No entanto, ele antecipou a saída por motivos acadêmicos. A indicação do substituto do ministro ainda não foi anunciada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Para falar sobre o assunto, o Jornal da Manhã, da Jovem Pan News, entrevistou o ex-desembargador do Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal, Jackson Di Domenico, que defendeu que a idade ideal para aposentadoria compulsória no setor público deveria ser de 70 anos, idade anterior à mudança promovida pela chamada PEC da Bengala, em 2015: “Eu particularmente vejo que até os 70 anos nós podemos dar uma contribuição mais efetiva. O Judiciário brasileiro hoje é protagonista, estamos todos olhando para o Judiciário brasileiro sempre com muita expectativa. Ontem, em uma outra entrevista, foi colocado que as pessoas sabem mais o nome dos ministros do que de jogadores de futebol. Efetivamente, isso é algo que a cada dia é mais uma verdade”.

“Diante disso, da exigência, necessidade, dinamismo e efetividade, me parece que até os 70 anos seria uma boa idade para que cada um pudesse cumprir a sua missão, sobretudo no Poder Judiciário. No Brasil temos quadros efetivos de juristas capazes nessa missão. É bem verdade que quem tem mais experiência tem a oportunidade de acertar mais. Contudo, nós preferimos conseguir juntar esses dois pontos, um dinamismo da juventude e a experiência adquirida por aqueles que tiveram mais oportunidades por mais tempo estarem em funções tão estratégicas no Brasil”, argumentou.

Saiba mais: https://jovempan.com.br/programas/jornal-da-manha/ex-desembargador-defende-idade-maxima-de-70-anos-para-aposentadoria-no-stf-contribuicao-mais-efetiva.html

ENDEREÇO

Endereço Sede: Rua Augusto Rodrigues, 60 - Torreão, Recife - PE, Brasil - CEP.: 52.030-215

Ouvidoria: (81) 3366-2421

Atendimento presencial:

Atendimento telefônico Central de Relacionamento: (81) 3366.2418/ (81) 3366.2434 (de segunda a sexta, das 8h às 16h).

Encarregado de Proteção de Dados/DPO:
Pitter Renato Tavares da Silva
Contato: dpo@compesaprev.com.br

Atendimento Sede: segunda a sexta

CNPJ: 12.585.261/0001-08